Perfil

Nascido no Rio, Fernando começou sua carreira como fotógrafo de moda do jornal O Globo, trabalhando com a editora Nina Chavs. No início dos anos 70 mudou-se para São Paulo e, por intermédio do fotógrafo José Antônio, foi apresentado a Thomaz Souto Corrêa, então diretor das revistas femininas da Abril. Logo começou a fotografar para os principais títulos da editora, como Cláudia e Pop. Paralelamente, atuava como diretor de fotografia da agência Xoc, de Regina Guerreiro, com quem estabeleceu uma parceria criativa que dura até hoje.

Um dos pioneiros na cobertura dos desfiles internacionais, acompanhou nos anos 80 as primeiras brasileiras a brilhar nas passarelas européias. Eram nomes como Dalma Calado, Andrea Delal e Beth Lago. Nesse época morou entre Paris e Nova York, quando teve oportunidade de trabalhar com a diretora de arte brasileira Bea Feitler, fotografando para Self Magazine e Vogue Itália.

De volta ao Brasil, passou a colaborar com as principais revistas de moda, como Vogue, Elle, Marie Claire e Estilo e realizou inúmeras campanhas de publicidade, além de ter desenvolvido projetos com Paulo Borges, como uma exposição de retratos de Silva Pfeifer. Ganhou em Berlin o prêmio de Melhor Trabalho Fotográfico 2004/2005 sobre Paris, pela Comissão Européia de Turismo. Hoje, está novamente em parceria com Paulo Borges, desenvolvendo o projeto de um livro, exposição e documentário.

Tem estilo marcado pela busca do ângulo perfeito, da sofisticação e da força de cada imagem. Mais do que fotografar uma peça de roupa, o importante para ele é traduzir a beleza e a atitude da mulher. Por isso, sempre dá preferência a modelos de personalidade marcante.

Além de fotografar, viajar é uma paixão. Cada vez mais Fernando tem aliado essas duas linguagens em seus ensaios realizados em Cuba, Paris, Aruba e México, alguns de seus cenários preferidos.